Colaboração Associação Portuguesa de Cancro Cutâneo

Verão 2020 – Proteja-se dos Cancros da Pele

Flyer Trabalho 2020

Folheto Euromelanoma 2020

Flyer Desporto 2020

Zé Pintas 2020

Viagem Literária aos autores do nosso concelho – 4º dia

Continuamos a assinalar o aniversário da Biblioteca Municipal, e hoje é já o 4º dia de divulgação online de livros, ou reflexões de alguns dos nossos autores locais.

Agradecemos a todos os autores que nos têm permitido conhecer, e dar a conhecer, melhor e mais completamente, as nossas terras e as nossas gentes.

Hoje, na nossa viagem literária, ouvimos Alexandre Pinheiro a recitar dois poemas Despedida e A Arma, do livro de sua autoria: “A Arma”, de seguida ouvimos As tuas mãos, do livro “O que a minh’alma sente” de Natércia Reis Raimundo pela voz de Rosália Albuquerque sua filha.

Agradecemos aos autores e a todos os que nos acompanham nesta viagem de 11 anos.

Bem-haja

Comemoração do Feriado Municipal

Discurso do Senhor Presidente de Câmara Municipal de Almeida, Eng.º António José Monteiro Machado, na comemoração do Feriado Municipal.

Assinalou-se no dia 28 de Junho o 11º aniversário da abertura da Biblioteca Municipal Maria Natércia Ruivo.

Para rememorar a data a BM entendeu homenagear alguns autores que nos têm permitido conhecer, e dar a conhecer, melhor e mais completamente, as nossas terras e as nossas gentes. Hoje, na nossa viagem literária, ouvimos o autor Telmo Cunha que preferiu falar-nos da importância das bibliotecas, seguido de Francisco Palos que dá voz ao poema Recordando Camões do livro “Caminhos Poéticos”. Agradecemos aos autores e a todos os que nos acompanham nesta viagem de 11 anos Bem-haja.

Eurocidade “Porta da Europa” une Almeida e Vilar Formoso, Fuentes de Oñoro e Ciudad Rodrigo

Os municípios de Almeida e de Ciudad Rodrigo (Espanha) apresentaram hoje o projeto de criação de uma eurocidade, para possibilitar a realização de projetos comuns que promovam o desenvolvimento do território de ambos os lados da fronteira.

O projeto da Eurocidade “Porta da Europa”, que abrange as vilas de Almeida e de Vilar Formoso, no distrito da Guarda, e as localidades espanholas de Fuentes de Oñoro e Ciudad Rodrigo, foi hoje apresentado numa sessão realizada na fronteira de Vilar Formoso, no dia em que as fronteiras terrestres entre os dois países foram reabertas após um período de encerramento devido à pandemia causada pela covid-19.

Segundo o presidente da Câmara Municipal de Almeida, António José Machado, o projeto eurocidade Vilar Formoso/Fuentes de Oñoro/Almeida/Ciudad Rodrigo constitui “um passo importante” para a definição de “uma estratégia de desenvolvimento económico” do território abrangido.

A iniciativa também é encarada como mais um contributo “em prol da cooperação” transfronteiriça, pois permitirá realizar um trabalho conjunto para a dinamização empresarial, a planificação e gestão conjunta de recursos humanos em determinadas áreas e o desenvolvimento de um plano de feiras e eventos.

Tem como objetivos, entre outros, estabelecer mecanismos de gestão e revalorização do território, com capacidade de fixar e atrair população, de criar e consolidar dinâmicas de emprego, bem como garantir a fixação de investimento de base produtiva e “implementar medidas que eliminem ou minimizem os custos de contexto que tanto penalizam as empresas e os cidadãos” locais.

A Eurocidade “Porta da Europa” terá sede em Vilar Formoso e a sua presidência será rotativa, por um período de dois anos, iniciando a atividade com a liderança do presidente do município de Almeida.

Na cerimónia de apresentação do projeto, o autarca de Ciudad Rodrigo, Marcos Iglésias, disse que o mesmo vai permitir, apesar da divisão política dos dois países, reivindicar “uma série de aspirações comuns”, com a perspetiva do desenvolvimento económico.

Segundo o responsável, trata-se de um projeto que “está assente na esperança”.

Para Isidoro Alanis, autarca de Fuentes de Oñoro, a eurocidade vai permitir “dar a volta” a vários problemas verificados no seu território, referindo que a região será, provavelmente, “a mais deprimida, mais pobre e mais abandonada” pelas instituições de Espanha.

Na sua opinião, a eurocidade vai trabalhar para “tentar atrair empresas e criar postos de trabalho”.

Acácio Alves, secretário da Junta de Freguesia de Vilar Formoso, admitiu que o projeto servirá “para trazer pessoas” para o território.

O autarca desejou que o mesmo “seja uma oportunidade” para que Vilar Formoso e Fuentes de Onõro “se consigam desenvolver mais do que até agora”.

“Esperamos que a criação desta eurocidade traga para Vilar Formoso e para Fuentes de Oñoro aquele desenvolvimento que todos sentimos que não temos”, rematou.

Após a cerimónia, que também incluiu a assinatura do protocolo de constituição da Eurocidade “Porta da Europa”, os autarcas e os representantes de várias entidades presentes realizaram um ato simbólico de reabertura da fronteira, que esteve fechada desde o dia 16 de março, devido à pandemia causada pela covid-19.

O programa terminou com um minuto de silêncio pelas vítimas da pandemia.

 

Conheça o património histórico-militar do Município de Almeida.

Almeida estrela do interior!

Conheça o património histórico-militar do Município de Almeida.#turismomilitar #turismo #almeida #cercodealmeida #cerco #portugal #turismoportugal

Publicado por Turismo Militar em Sábado, 27 de junho de 2020

Parabéns à Biblioteca Municipal Maria Natércia Ruivo pela caminhada de 11 anos!

Uma biblioteca é um laboratório de reagentes, onde se iluminam as inteligências.
As Bibliotecas Públicas são, entre muitas outras coisas, espaços de memória. Estas memórias cimentam as identidades dos lugares não sendo mais, de que, uma teia bem urdida de histórias.

Assinalou-se no dia 28 de Junho o 11º aniversário da abertura da Biblioteca Municipal Maria Natércia Ruivo. Para rememorar a data a BMMNR entendeu homenagear alguns autores que nos têm permitido conhecer, e dar a conhecer, melhor e mais completamente, as nossas terras e as nossas gentes.
Nesta viagem literária, que irá durar uma semana, vários autores (locais) irão partilhar reflexões, leituras de prosa ou poesia com todos os nossos leitores, utilizadores e amigos da Biblioteca.

Muito agradecemos a todos os que connosco colaboraram, um bem-haja aos autores(as) e aos que connosco têm partilhado esta caminhada feliz!

A partir de hoje, online, na página do Município damos início à nossa Viagem Literária com a presença de Maria José Dinis e José Victor Correia e assim será todos os dias ao longo da semana! Fique atento!

SAÍDOS DA ESTANTE!

OS BIBLIOTECÁRIOS DA RIBBSE LÊEM PARA SI.

No seguimento de um desafio lançado pela BMEL, os bibliotecários da RIBBSE (Rede de Bibliotecas da CIM-BSE) e da DGLAB (Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas) escolheram um texto de um autor local, do seu concelho, e leram-no para si!

Um autor, uma história, um território! A partir de 9 de Junho, fique atento: em www.cm-almeida.pt e em www.facebook.com/municipio.almeida

A Biblioteca Municipal de Belmonte lê “Quinta-feira de Ascensão”, de Maria Alcina, por Maria João Carvalho.

Brincar em família!

Município de Almeida – Área de Desporto

Proteja-se, e faça actividade física! 💪🌈

SAÍDOS DA ESTANTE!

OS BIBLIOTECÁRIOS DA RIBBSE LÊEM PARA SI.

No seguimento de um desafio lançado pela BMEL, os bibliotecários da RIBBSE (Rede de Bibliotecas da CIM-BSE) e da DGLAB (Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas) escolheram um texto de um autor local, do seu concelho, e leram-no para si!

Um autor, uma história, um território! A partir de 9 de Junho, fique atento: em www.cm-almeida.pt e em www.facebook.com/municipio.almeida

A Biblioteca Municipal de Seia, lê “Senalonga, pequena histórias de uma vila em 1900”, de Avelino Cunhal

 

Plano de Contingência da Feira Mensal de Almeida – Ultimo Sábado de cada Mês – Covid-19

No próximo sábado, dia 27 de Junho, realiza-se a Feira Mensal de Almeida – último sábado do mês, na zona da Estacada – Almeida.

Consulte o Plano de Contingência desta Feira – Aqui.

SAÍDOS DA ESTANTE!

OS BIBLIOTECÁRIOS DA RIBBSE LÊEM PARA SI.

No seguimento de um desafio lançado pela BMEL, os bibliotecários da RIBBSE (Rede de Bibliotecas da CIM-BSE) e da DGLAB (Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas) escolheram um texto de um autor local, do seu concelho, e leram-no para si!

Um autor, uma história, um território! A partir de 9 de Junho, fique atento: em www.cm-almeida.pt e em www.facebook.com/municipio.almeida

A Biblioteca Municipal de Pinhel lê o conto “O Desaparecido” do livro “Vidas Infaustas”, de Henrique Lima Freire, por Beatriz Fraga.

 

SAÍDOS DA ESTANTE!

OS BIBLIOTECÁRIOS DA RIBBSE LÊEM PARA SI.

No seguimento de um desafio lançado pela BMEL, os bibliotecários da RIBBSE (Rede de Bibliotecas da CIM-BSE) e da DGLAB (Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas) escolheram um texto de um autor local, do seu concelho, e leram-no para si!

Um autor, uma história, um território! A partir de 9 de Junho, fique atento: em www.cm-almeida.pt e em www.facebook.com/municipio.almeida

A equipa da Biblioteca Municipal de Mêda promove o livro “Coriscada: Cultura, Natureza, Património”, de Maria Ester Proença Simão Almeida

 

Exercitar em Casa!

Município de Almeida – Área de Desporto

Proteja-se, e faça actividade física! 💪🌈

SAÍDOS DA ESTANTE!

OS BIBLIOTECÁRIOS DA RIBBSE LÊEM PARA SI.

No seguimento de um desafio lançado pela BMEL, os bibliotecários da RIBBSE (Rede de Bibliotecas da CIM-BSE) e da DGLAB (Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas) escolheram um texto de um autor local, do seu concelho, e leram-no para si!

Um autor, uma história, um território! A partir de 9 de Junho, fique atento: em www.cm-almeida.pt e em www.facebook.com/municipio.almeida

A Biblioteca Municipal Dr. José David Lucas Batista, de Manteigas, lê o poema “Jardim Perdido”, do livro “Quando a neve cai”, de João Isabel, por Rui de Carvalho

 

SAÍDOS DA ESTANTE!

OS BIBLIOTECÁRIOS DA RIBBSE LÊEM PARA SI.

No seguimento de um desafio lançado pela BMEL, os bibliotecários da RIBBSE (Rede de Bibliotecas da CIM-BSE) e da DGLAB (Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas) escolheram um texto de um autor local, do seu concelho, e leram-no para si!

Um autor, uma história, um território! A partir de 9 de Junho, fique atento: em www.cm-almeida.pt e em www.facebook.com/municipio.almeida

A Biblioteca Municipal Eduardo Lourenço, da Guarda, lê “O Passeio de Santo António”, de Augusto Gil, por António Oliveira.

 

XVI Comunicado COVID-19 – 19 de junho de 2020

SAÍDOS DA ESTANTE!

OS BIBLIOTECÁRIOS DA RIBBSE LÊEM PARA SI.

No seguimento de um desafio lançado pela BMEL, os bibliotecários da RIBBSE (Rede de Bibliotecas da CIM-BSE) e da DGLAB (Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas) escolheram um texto de um autor local, do seu concelho, e leram-no para si!

Um autor, uma história, um território! A partir de 9 de Junho, fique atento: em www.cm-almeida.pt e em www.facebook.com/municipio.almeida

A Biblioteca Municipal de Vergílio Ferreira, de Gouveia lê “Manhã Submersa”, de Vergílio Ferreira, por João Rebocho.

 

Exercitar em Casa!

Município de Almeida – Área de Desporto
Proteja-se, e faça actividade física! 💪🌈

SAÍDOS DA ESTANTE!

OS BIBLIOTECÁRIOS DA RIBBSE LÊEM PARA SI.

No seguimento de um desafio lançado pela BMEL, os bibliotecários da RIBBSE (Rede de Bibliotecas da CIM-BSE) e da DGLAB (Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas) escolheram um texto de um autor local, do seu concelho, e leram-no para si!

Um autor, uma história, um território! A partir de 9 de Junho, fique atento: em www.cm-almeida.pt e em www.facebook.com/municipio.almeida

A Biblioteca Municipal Eugénio de Andrade, do Fundão lê “Uma cerejeira em Flor” e “Num exemplar das Geórgicas”, de Eugénio de Andrade, por Dina Matos.

SAÍDOS DA ESTANTE!

OS BIBLIOTECÁRIOS DA RIBBSE LÊEM PARA SI.

No seguimento de um desafio lançado pela BMEL, os bibliotecários da RIBBSE (Rede de Bibliotecas da CIM-BSE) e da DGLAB (Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas) escolheram um texto de um autor local, do seu concelho, e leram-no para si!
Um autor, uma história, um território! A partir de 9 de Junho, fique
atento: em www.cm-almeida.pt e em www.facebook.com/municipio.almeida

A Biblioteca Municipal Maria Teresa Maia Gonzalez, de Fornos de Algodres, lê “A lua de Joana”, de Maria Teresa Maia Gonzalez, por Ana Paula Dias.

SAÍDOS DA ESTANTE!

OS BIBLIOTECÁRIOS DA RIBBSE LÊEM PARA SI.

No seguimento de um desafio lançado pela BMEL, os bibliotecários da
RIBBSE (Rede de Bibliotecas da CIM-BSE) e da DGLAB (Direção-Geral do
Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas) escolheram um texto de um autor
local, do seu concelho, e leram-no para si!
Um autor, uma história, um território! A partir de 9 de Junho, fique
atento: em www.cm-almeida.pt e em www.facebook.com/municipio.almeida

A DGLAB – Rede Nacional de Bibliotecas Públicas lê “Lúbrica”, de
Cesário Verde, por Célia Heitor.

SAÍDOS DA ESTANTE!

OS BIBLIOTECÁRIOS DA RIBBSE LÊEM PARA SI.

No seguimento de um desafio lançado pela BMEL, os bibliotecários da
RIBBSE
(Rede de Bibliotecas da CIM-BSE) e da DGLAB (Direção-Geral do Livro, dos
Arquivos e das Bibliotecas) escolheram um texto de um autor local, do
seu
concelho, e leram-no para si!
Um autor, uma história, um território! A partir de 9 de Junho, fique
atento: em www.cm-almeida.pt e em www.facebook.com/municipio.almeida

A Biblioteca Municipal da Covilhã lê “O Jardim das Delícias”, de E.M. de
Melo e Castro, por Cristina Caetano. Escultura de Telmo Guerreiro.

SAÍDOS DA ESTANTE!

OS BIBLIOTECÁRIOS DA RIBBSE LÊEM PARA SI.

No seguimento de um desafio lançado pela BMEL – Biblioteca Municipal Eduardo Lourenço, Guarda, os bibliotecários da RIBBSE – Rede de Bibliotecas da CIM-BSE, e da DGLAB – Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas, escolheram um texto de um autor local, do seu concelho, e lêem-no para si!

Um autor, uma história, um território! A partir de 9 de junho fique atento ao site institucional do Municipio de Almeida, e aqui, na rede social Facebook!

A sua Biblioteca Municipal Maria Natércia Ruivo, em Almeida, lê a história ”Aurora Boreal”, de Alcides do Pereiro, por Paula Sousa.

Brincar em família!

Município de Almeida – Área de Desporto

Proteja-se, e faça actividade física! 💪🌈

Publicações de edição Municipal

A Biblioteca Municipal Maria Natércia Ruivo informa todos os interessados que as publicações de edição Municipal ou apoiadas pelo Município de Almeida podem ser adquiridas na sua Biblioteca ou por envio à cobrança.
Mais esclarecimentos é favor contactar através do telefone 271 571 700, ou através do email geral.ceama@cm-almeida.pt

Livros e Preçário

Brincar em família!

Município de Almeida – Área de Desporto

Proteja-se, e faça actividade física! 💪🌈

Reabertura das feiras e mercados no Concelho de Almeida

A Feira dos dias 8 em Almeida reabre esta segunda-feira. para venda de produtos e géneros alimentares, com o lema “Vamos Voltar em Segurança”.

Plano de contingência consulte aqui

Apresentamos a nova inquilina do Picadeiro D’ EL Rey!

Chama-se Paloma, tem 1 ano e meio, e é uma bonita exemplar da raça pónei Welsh. Concordas?!

Raça – “Welsh Pony”;
Altura na cernelha – Máxima de 1,22m;
Temperamento – Dócil, resistente, inteligente;

Originários da Escócia, o Welsh Pony assemelha-se ao Puro-sangue Árabe na sua morfologia, provavelmente pela miscigenação ocorrida com essa raça há 300 anos nas montanhas de Gales, sendo, é claro, de porte mais pequeno.
Os poneis da montanha de Welsh são provavelmente os mais numerosos das raças britânicas da montanha e de Moorland, e fornecem a base a partir da qual as outras seções de Welsh evoluíram. A raça provavelmente se desenvolveu dos chamados pôneis celtas descendentes de animais na Ásia Central que chegaram à Grã-Bretanha cerca de 4000 a.C.
A primeira menção dos poneis foi na escrita de Júlio César durante suas campanhas na Grã-Bretanha. Ele se referiu aos poneis celtas com admiração por sua docilidade, velocidade como cavalos de carruagem e por sua utilidade versátil.
Um animal de grande beleza e refinamento, ele tem a substância, a resistência e a solidez de seus antepassados. Bem conhecidos por suas personalidades amigáveis ​​e até temperamentos, eles são extremamente inteligentes e são facilmente treinados.