A carregar Eventos

« All Events

Peça do mês – Museu Histórico Militar de Almeida

Fevereiro 1 @ 9:00 - Fevereiro 28 @ 17:30

Peça: Arcabuz de Fecho de Serpentina, meados do séc. XVI – Portugal

Nº de inventário: MM 001692

Descrição: Carregamento pela boca. Fecho de Serpentina. Gatilho de alavanca. Cano de alma lisa fixado à coronha de Nogueira por cavilhas no fuste e parafuso na cauda da culatra. O fecho fixa-se à coronha por parafusos de atravessar. Cano de aço forjado. Guarnição e fecharia igualmente forjado de ferro e aço. Materiais: Aço; Ferro forjado (Guarnição e Fecharia); Madeira (Coronha e Fuste) Calibre: 16 mm

Curiosidade: Na Guerra da Restauração as armas de fogo eram dotadas de fecharias de mecha ou morrão. Um dos problemas das armas de fogo de mecha era a necessidade de transportar o morrão aceso, de forma a provocar a ignição da pólvora e fazer o disparo. Quando se pretendia emboscar o inimigo à noite ou em zonas escuras, o morrão aceso podia denunciar os soldados que preparavam a surpresa ao inimigo. Por outro lado, a alma lisa (ou seja, interior do cano sem estrias) destas armas conferia ao projétil, uma baixa velocidade e uma trajetória errática, para o que também contribuía a forma esférica da bala de chumbo. O alcance dentro do qual era esperado causar baixas ao inimigo era limitado: cerca de 5-10 metros para a pistola, cerca de 60-80 metros para a carabina e o arcabuz, cerca de 100 metros para o mosquete (alcances aproximados, segundo as estimativas da época e reconstituições atuais, nem sempre coincidentes entre elas). Escolhemos um testemunho sobre o assunto: “Ia Bento Maciel reconhecer a trincheira, a bala de um mosquete lhe deu nos peitos, e o derrubou; foi julgado por morto, acudiram ao retirar; ele se levantou, e desabotoado lhe acharam o jubão de tafetás passado, e uma grande pisadura, que o teve molestado muitos dias.” (Aires Varela, Sucessos que houve nas fronteiras (…), o terceiro anno da Recuperação de Portugal, que começou em o 1º de Dezembro de 1643, Elvas, Typografia Progresso de António José Torres de Carvalho, 1900, pgs. 90-91), em https://guerradarestauracao.wordpress.com/tag/arcabuz/.

Detalhes

Início:
Fevereiro 1 @ 9:00
Fim:
Fevereiro 28 @ 17:30
Categoria de Evento:

Local

Museu Histórico Militar de Almeida
Museu Histórico Militar de Almeida
Almeida, Portugal
+ Mapa do Google